No Méier fica a pensão da dona Jô, onde transitam as pessoas mais insanas que passam seus dias tentando se dar bem e melhorar de vida, desde o trambiqueiro Valdomiro até a viúva Terezinha, passando por Jéssica, a filha da dona da pensão, e seus dois namorados, e o recepcionista e zelador ou “concierge”, como ele gosta de se chamar Ferdinando e o faz-tudo Wilson.